Um espaço para compartilhar ideias, momentos, informações, carinhos e emoções!!


sábado, 9 de dezembro de 2017

BC Sementes diárias - a palavra é: especial





Vou usar uma expressão que meu pai, que Deus o tenha, tinha o hábito de usar, ironicamente, quando queria se referir a uma pessoa desagradável, inconveniente, dizia:

_ Fulano é um “especial” de primeira! 

Hoje, poderíamos usar a palavra “especial” com o mesmo  sentido principalmente para esta “cambada” de políticos brasileiros e alguns internacionais que assombram o mundo com suas atitudes.
Vamos ver as demais participações? Basta clicar AQUI.

BC U ma imagem - 140 caracteres: João e Maria



Vocês não vão acreditar qual a primeira ideia que veio a minha cabeça! Lembram da história infantil de João e Maria? Então, foi dela que lembrei. Havia uma casinha de doces no meio de uma clareira na floresta, lembram?
 Quando meu neto Rafael era menorzinho e ficava comigo para pousar contava a minha versão da história adaptada à idade dele. João e Maria adoravam brincar perto de uma casinha na floresta e, para marcar o caminho, João usou primeiro migalhas de pão, depois grãozinhos de feijão e sempre tinham dificuldade para voltar porque os passarinhos comiam o pão e o feijão. Maria era esperta e sempre encontrava o caminho de volta. Um dia João resolveu usar pedrinhas para marcar o caminho e, então foi fácil para ele chegar até em casa. Eu enfeitava o quanto podia a história até ele pegar no sono evitando, é claro, falar na bruxa e do dedinho magrinho do João. Tiro daí minha participação e depois vou ver qual a inspiração dos demais participantes lá no DEVANEIOS.

Já brincamos bastante, vamos voltar Maria! Os passarinhos comeram o pão e o feijão que deixei cair no caminho de volta para casa. E agora?

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

BC RAIO X : Um pouco mais de mim.




Vamos a mais uma BC que tem nos feito refletir sobre nós mesmos. É quase um mergulho no interior de cada um. As minhas respostas foram estas. Depois de ler as minhas passa lá no blog do TONINHO
e confere as demais participações.
 
1-   Qual foi a ultima coisa que lhe envergonhar para valer?
Aconteceu recentemente. Um aniversário e a apresentação de estreia do coral infantil do Colégio Centenário coincidiram em data e horário. Querendo conciliar as datas acabei desprestigiando o convite para o aniversário estabelecendo um horário para festejarmos com a aniversariante. Quando me dei conta quase morri de vergonha, pedi desculpas, é claro, mas o mal já estava feito.


2-   Se o dinheiro não importasse, qual seria seu trabalho ideal?
Penso que não sairia muito da minha área de atuação, daria aulas de Biologia aplicada para jovens e crianças.


3-   O que é mais importante para você neste momento?

Não só neste momento, mas sempre foi o mais importante para mim: a união e harmonia da família, fiz, faço e farei sempre qualquer coisa para continuar mantendo a família unida e harmoniosa.



sábado, 2 de dezembro de 2017

BC Sementes da Chica: a palavra é - esperar.



Ô palavrinha danada! Para pessoas ansiosas ou mais ou menos ansiosas como eu esta é uma das piores palavras do dicionário. Convivi de perto e por muitos anos com uma pessoa inimiga do relógio e, aí imaginem!
Seja qual for o fato ou objeto que se espera, esta espera envolve tempo e paciência que uns tem mais outros menos. Confesso que já fui mais paciente. Será que é porque meu tempo para esperar está diminuindo ano após ano.

Estamos todos a esperar o grand finale! 

Um tanto mórbido, não? Foi o que me ocorreu! vamos ver algo mais alegre lá na CHICA?

BC Uma imagem - 140 caracteres: Pra nunca mais esquecer!



Que linda imagem! Não conheço pessoalmente, mas imagino seja uma imagem do Grand Canyon esculpido pelo rio Colorado, no estado do Arizona, nos Estados Unidos e imagino também que as 4 garotas mochileiras façam parte de algum grupo de escolares em excursão. Encantadas pela maravilhosa vista teriam dito:

Momento inesquecível! Com certeza, é ainda mais bonito do imaginávamos, cada uma de nós levará na memória esta linda imagem do Grand Canyon.

Lindo ver jovens em contato com a natureza e sem celulares à mão. Vamos ver como interpretaram a imagem os demais participantes da BC? É só clicar AQUI.